Menu Fechar

Dia Mundial da Alimentação – Comemorações

O Dia Mundial da Alimentação, 16 de Outubro, já é aceite por mais de 150 países em todo o mundo, com o objectivo de alertar e consciencializar toda a população, desde a opinião pública até os órgãos directivos e governamentais para a importância de uma boa nutrição no mundo.
A EBVM relembrou a importância deste dia através da exposição “Nós somos aquilo que comemos”, promovida pela Equipa da Educação para a Saúde. Nesta exposição foram apresentados trabalhos realizados pelos alunos sobre a temática.
Neste contexto, a Biblioteca Escolar juntou-se à iniciativa tendo adquirido e divulgado, como Sugestão de Leitura, o livro “Tu és aquilo que comes”, da autora Felicia Law.
Ainda neste âmbito, na sexta-feira, dia 17, as professoras Fátima Valente e Valentina Pereira acompanharam a turma 9.ºA ao Espaço Jovem da Biblioteca do Seixal, onde os alunos participaram na iniciativa ‘Promoção de Estilos de Vida Saudáveis’, subordinada à temática da Alimentação Saudável/Distúrbios Alimentares, nomeadamente, anorexia e bulimia. Esta actividade contou com a colaboração do Centro de Saúde do Seixal e da Eurest Portugal, Lda.

A Nossa Escola já é uma Eco-Escola!

Conquistámos o galardão Bandeira Verde Eco-Escolas e o
1º lugar no Concurso Nacional do Poster Eco-Código
No dia 29 de Setembro, as Professoras Lourdes Mendonça, Vanda Barreiras e Helena Lança deslocaram-se a Santa Maria da Feira para participar no “Dia das Bandeiras Verdes”, para a cerimónia de entrega do Galardão Eco-Escolas 2008/2009, em representação da nossa escola. Foram acompanhadas pela professora Fernanda Franco, da Escola Básica do 1.º Ciclo N.º 1 de Corroios, que pertence ao nosso Agrupamento, e onde os alunos também desenvolveram projectos no âmbito do Eco-Escolas, tendo recebido o mesmo galardão.
O Eco-Escolas é um Programa Internacional que pretende encorajar acções e reconhecer o trabalho de qualidade desenvolvido pelas escolas, no âmbito da Educação Ambiental. Para a nossa escola, que participou pela primeira vez, a atribuição deste galardão constituiu o reconhecimento do trabalho e empenho dos muitos elementos da comunidade educativa que dinamizaram e se envolveram em muitas e diversificadas actividades nesta área e que, no conjunto, constituíram o nosso Projecto Eco-Escola.
No Dia das Bandeiras Verdes, durante a manhã, foi possível apreciar os diversos ateliês promovidos por várias escolas, recolher informações sobre o que se faz noutras escolas e sobre os projectos e concursos que irão decorrer ao longo deste ano lectivo, desfrutar das actividades e da animação geral proporcionadas pelo espaço e por todos os representantes das muitas escolas presentes no evento. Decorreu ainda uma conferência de imprensa, com a participação de diversas entidades e a entrega de vários prémios.
À tarde, algumas escolas apresentaram um espectáculo, com actividades ligadas ao ambiente e, finalmente, chegou o momento mais aguardado: a entrega dos Prémios do Concurso Nacional do Poster Eco-Código e do Galardão, a Bandeira Verde Eco-Escolas. Foi com orgulho que vimos o Poster da nossa escola conquistar o 1.º Lugar entre os mais de 500 posters a concurso, impresso e distribuído aos muitos participantes deste evento e a ser levado para as escolas de todo o país.
Este ano lectivo 2009/2010, a nossa escola tem uma responsabilidade acrescida e será necessário o envolvimento de toda a comunidade escolar no Projecto Eco-Escolas. Pretende-se continuar a implementar o Projecto e que este seja um valioso contributo para o desenvolvimento da capacidade de agir e de intervir no sentido de melhorar o ambiente, em todos os elementos da comunidade educativa. Os temas deste ano são “Alterações Climáticas”, “Biodiversidade” e “Florestas”, para além dos temas base, “Água”, “Resíduos” e “Energia”, e de outros temas opcionais.
Receber a Bandeira Verde “é simultaneamente um prémio e um compromisso que a escola assume, na continuidade de um trabalho no sentido do desenvolvimento sustentável.”
Queremos conquistar a 2ª Bandeira Verde! Queremos continuar a ser uma Eco-Escola!

Comemorações do Centenário da República

O Ministério da Educação através do Plano Nacional Leitura, da Rede de Bibliotecas Escolares, da Direcção-Geral da Inovação e Desenvolvimento Curricular, e da Secretaria-Geral em articulação com a Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República propõe a todos os agrupamentos e escolas que, durante o ano lectivo 2009-2010, se envolvam nas comemorações do Centenário da República.
Neste contexto a Comissão Nacional para as Comemorações apresentou ontem um sítio Web específico para a comunidade escolar em http://escolas.centenariorepublica.pt/. Este sítio constitui uma importante ferramenta de apoio para escolas, professores e para a população em geral, disponibilizando informação histórica da I República e do Republicanismo (cronologias, biografias, documentos, imagens, bibliografias), os valores e os ideais republicanos, fornecendo informações úteis ao desenvolvimento de projectos no âmbito das comemorações do Centenário da República.
Como se pode verificar, através da visualização da imagem, o Agrupamento Vertical de Escolas Vale de Milhaços já apresentou o projecto a desenvolver no âmbito desta iniciativa.
No lado direito podem aceder ao N.º 1 da Gazeta das Escolas, boletim das Comemorações do Centenário da República.
Ontem, dia 14 de Setembro realizou-se a recepção aos alunos do 5.º ano de escolaridade. Após reunirem com os respectivos Directores de Turma, os alunos visitaram vários espaços da escola. Neste contexto, conheceram a Biblioteca Escolar. A equipa responsável pela gestão da BE apresentou as diferentes zonas funcionais e expôs as regras básicas de funcionamento do espaço.
A visita à BE terminou com a oferta de um livro a todos os discentes do 5.º ano no âmbito do projecto Ler + para vencer 2009 – Um novo livro para cada novo leitor.

Trocar as voltas à Gripe A com a Biblioteca Escolar

As possíveis repercussões do surto de Gripe A – 2009 nas escolas e famílias, nomeadamente o absentismo, em maior ou menor dimensão, de professores, alunos e funcionários, implicam a elaboração de um Plano de Contingência por parte dos estabelecimentos de ensino, através do qual possam responder adequadamente às diferentes fases da pandemia, prevenindo e minorando os seus efeitos sobre as actividades escolares.
No quadro da acção global contra a pandemia, a Rede de Bibliotecas Escolares (RBE) está associada ao projecto «Ler + Agir contra a Gripe A 2009», que propõe diversos recursos e actividades de leitura e escrita sobre o tema. Os dados deste projecto serão disponibilizados no sítio do Plano Nacional de Leitura (PNL)
http://www.planonacionaldeleitura.gov.pt/
e no sítio da RBE http://www.rbe.min-edu.pt/.
Aconselhamos a leitura das orientações e recomendações disponíveis nos sítios da DGS http://www.dgs.pt/ e da Direcção-Geral de Inovação e Desenvolvimento Curricular, www.dgidc.min-edu.pt/.
Neste contexto apresentamos ainda em anexo 3 links com os documentos essenciais do agrupamento, elaborados pelo grupo de trabalho da Educação para a Saúde – Professoras Eduarda Silva, Julieta Rodrigues, Elvira Lourenço e Cristina Dias.
– Plano de Contigência do Agrupamento Vertical de Escolas Vale de Milhaços http://sites.google.com/site/becrevm/PlanodeContingênciaAVEVM.pdf
– Gripe A (H1N1)Informação aos adultos
– Gripe A (H1N1)Informação aos alunos

Estamos de regresso … cheios de vontade de trabalhar…

Olá a todos! 
Esperamos que as vossas férias tenham sido óptimas e estejam cheios de energia no início deste novo ano lectivo.
Por cá temos algumas novidades. A partir do ano lectivo de 2009-2010 a organização e gestão das Bibliotecas Escolares passou a estar a cargo de professores bibliotecários a tempo inteiro.
Esta medida traduz claramente uma valorização da biblioteca como estrutura axial no desenvolvimento das aprendizagens, que deve trabalhar em articulação com toda a comunidade escolar.
Na EBVM o exercício deste cargo é da responsabilidade da professora Valentina Pereira.
Para coadjuvar a professora bibliotecária existe uma equipa que é constituída pelas professoras, Fátima Valente, Alice Aragão e Vanda Barreiras. Da mesma equipa, faz parte a assistente operacional, Glória Silva.
Neste contexto existem ainda professores colaboradores da BE que representam os diferentes Departamentos Curriculares.
Visita a BE para saberes mais novidades!

Fórum Rede de Bibliotecas Escolares

No dia 26 de Junho, decorreu, na FIL (Parque das Nações), o Fórum sobre a Rede de Bibliotecas Escolares (RBE) intitulado “13 anos a construir saberes”, e a equipa da nossa Biblioteca fez questão de estar presente para celebrar a importância das Bibliotecas.

O programa da RBE , existente há 13 anos, foi criado com o objectivo de proporcionar a todos os alunos o acesso a uma biblioteca dentro da sua escola/agrupamento de escolas, de forma a que os alunos possam adquirir competências na leitura e a nível tecnológico, assim como disporem de informação suficiente para que se possam tornar cidadãos informados e participativos.

A Rede de Bibliotecas Escolares, lançada em 1996, pelos ministérios da Educação e da Cultura sofreu, nos últimos 13 anos, um crescimento superior a 1200%. Em 1997, havia 164 bibliotecas integradas na RBE; hoje, estão integradas 2063: 900 em escolas do 1º ciclo e 1163 em escolas do segundo e terceiro ciclo/ secundárias. Na prática, significa que cerca de um milhão de alunos beneficia desta rede de leitura.

Homenagear Sophia

A equipa da Biblioteca Escolar propôs ao Departamento de Língua Portuguesa uma actividade a desenvolver por todos os ciclos, com o objectivo de promover a articulação vertical.
Como na maioria dos anos de escolaridade são abordadas obras de Sophia de Mello Breyner Andresen, resolvemos dinamizar uma exposição sobre livros de Sophia analisados em sala de aula.
Os 5.º anos leram e analisaram a “Fada Oriana”; os 6.º anos, a “Floresta”; os 7.º anos, “O cavaleiro da Dinamarca” e os 8.º anos, “Saga”.
Os alunos do 1.º ciclo, através das coordenadoras das Bibliotecas, também participaram nesta actividade. Os alunos do 3.º ano trabalharam o livro “A menina do Mar”.
Os alunos aplicaram os seus dotes artísticos e criaram verdadeiras obras de arte que foram expostas com muito carinho nas suas escolas.
A partir de Setembro, vamos criar uma exposição dos trabalhos de todos os ciclos que circulará por todas as escolas da agrupamento interessadas.
Fica aqui um testemunho dos vários trabalhos realizados pelos alunos dos 2º e 3.º Ciclos.
rfwbs-sliderfwbs-sliderfwbs-slide